Mantras, o poder do som sobre o indivíduo

naad_02a
Dentro do Kundalini Yoga, nos estudos da ciência do Naad, aprendemos que o po­der do Mantra não está em seus dizeres, mas na vibração dos sons. A sílaba “Man” significa “mente”, “Tra” significa “afinar a vibração” (assim como afinar as cordas de um violino ou guitarra). Mantra é uma corrente sonora que afina e controla a vibração mental.

Kundalini_Yoga_Shakti

Kundalini Yoga Flow of Eternal Power © Shakti Parwha K.

É a “psique dirigente”, a palavra das palavras, combinação de sílabas que ajudam a focar a mente” (fonte: Kundalini Yoga – Shakti Parwha Kaur K.).

Quando cantamos ou entoamos um Mantra, ou mesmo quando só o ouvimos em estado meditativo, entramos em sintonia com a vibração, o que nos conduz a este estado de harmonia e afinação internas.

Ainda na ciência de Naad, (a ciência do som em Kundalini Yoga) – encontramos 5 formas de cantar; nós sempre pensamos no som como audíveis, mas eles também podem ser sutis. Ele pode vibrar em uma parte de você ou em todo seu ser. Os yogis definem vários tipos distintos de som:

  • BHAKREE – usando a ponta da língua para formar sílabas em tom alto, é o modo mais fácil de cantar.
  • KHANT – esta é a corrente de som que você escuta em sua mente quando lê silenciosamente, sem mover os lábios. Isto é vocalização subliminar. O “som” é silencioso, mas as sílabas vibram em seu Chakra da garganta.
  • HARDAY – esta é a corrente de som que vibra no coração. É assim que uma mãe pode “ouvir” o filho, a milhas de distância, quando algo não está bem.
  • ANAHAT – esta corrente de som é em inglês às vezes chamada de “Unstruck Melody” – “A Melodia não Tocada”. É quando o mantra ressoa em cada átomo e fibra de seu ser; cada nervo é afinado por isto.

Esta vibração se torna parte de você. É um som interno. É criado quando o som é produzido no centro umbilical (Nabhee) usando a ponta da língua. Esta combinação impulsiona as glândulas superiores a produzir o “Néctar da Benção”, Amrit (fonte: Kundalini Yoga, Shakti Parwha Kaur K.).

Quando percebemos nosso próprio ritmo, restabelecemos o estado interno de harmonia, que significa a proporção correta, que em outras palavras é ritmo correto. Vida é a manifestação dessa harmonia.

No livro “O coração do Sufismo” encontramos que:

“Tudo aquilo que ansiamos e queremos atingir, é harmonia! …

… Em proporção maior ou menor, estamos ansiando por harmonia – até mesmo para obter as coisas mais mundanas, sempre ansiamos por harmonia. …

… Todo o universo é uma sinfonia harmônica na qual cada indíviduo é uma nota. A felicidade desse indivíduo consiste em se tornar perfeitamente harmonioso com a sinfonia do universo. A música é a miniatura de toda harmonia do universo, pois a harmonia do universo é a música em si mesma; e o indivíduo, sendo a miniatura do universo, deve mostrar a mesma harmonia. …

… Em sua pulsação, na batida do seu coração e em sua vibração ele mostra ritmo e tom, cordas harmoniosas e desarmônicas, sua saúde ou sua doença, sua alegria ou seu desconforto – tudo mostra a música ou a carência de música em sua vida! …

… E o que a música nos ensina? A música nos ajuda a treinar a nós mesmos, de uma maneira ou de outra, em harmonia, e é isso que é mágico, ou que é o segredo por trás da música.

De onde vem a música? De onde vem a dança? Tudo isso vem da vida espiritual natural que está dentro de nós. Quando essa vida espiritual irrompe, ela torna leves todos os fardos que o indivíduo carrega. Ela torna suave sua vida, e a faz flutuar no oceano da vida. A faculdade de ouvir, de apreciar, torna leve o indivíduo. …

É necessário que num primeiro momento, dentre os diversos Mantras do Kundalini Yoga, nos sintonizemos com a sua vibração e ritmo, ao mesmo tempo em que nos identificamos com alguns em particular, buscando a própria sintonia interna, através da própria experiência!

Em seguida experimente a meditação sonora para o canal Sushumna – o canal central para o equilíbrio interno.

 


Siri_Amrit_Kaur_01a Publicado com carinho por Siri Amrit Kaur (Maria José Pagan), professora de Kundalini Yoga formada em 2004 (Kundalini Research International), conduzindo aulas em grupo e individuais. Trabalha com Yoga Laboral em empresas de Campinas, SP, realiza atendimentos em Numerologia pessoal e empresarial (coach) há mais de 10 anos e está aplicando o método Corpo Sonoro (por Sandra Sofiati).